Cézanne era food stylist!

Você sabe o que é um stylist de natureza-morta? Apesar do nome moderninho, é um trabalho bem antigo que consiste em organizar cenas com objetos inanimados a fim de pintá-las, desenhá-las ou fotografá-las. Ou seja, Cézanne já era stylist. A diferença é que, enquanto nos tempos do pintor francês o interesse maior era no produto final, hoje em dia os artistas da natureza morta roubam a atenção montando paisagens, roupas, pessoas e até mesmo quadros, ainda que tudo isso seja fotografado por outros profissionais.

Para a última edição da revista de culinária francesa Fricote, por exemplo, a diretora de arte Émilie Guelpa se inspirou no sistema de cores Pantone.

Pantone Tarts. Criação de Emilie Guelpa para a revista Fricote.

O livro de receitas Hommade is Best, da Ikea, traz os ingredientes de cada prato em composições simples e delicadas da stylist Evelina Bratell. Algo como os pictogramas do Cabaré.

Composição de Evelina Bratell. Foto: Carl Kleiner

O Sydney International Food Festival fez uma campanha com bandeiras feitas a partir dos pratos típicos de cada país.

Da esquerda para a direita, de cima para baixo: Suíça, Coreia do Sul, Japão, Índia, Brasil e Espanha.

Já para a rede de supermercados sueca Hemköp, a stylist Linda Lundgren montou gotas (brasileiros veem coxinhas) com produtos e embalagens de uma mesma cor.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s